Desentupir rede de esgoto

Desentupir rede de esgoto: o que você precisa saber

A rede de esgoto é fundamental para o bem-estar e a saúde de qualquer ambiente. Como o nome indica, a rede de esgoto coleta todos os dejetos de um ambiente e o direciona para a rede de tratamento, ou então para a fossa, quando é o caso.

Porém, os canos desse sistema estão propensos a entupimentos regulares. Esses entupimentos podem acontecer por diversos motivos e podem dar uma grande dor de cabeça e um grande trabalho para quem está no ambiente.

A Esgotecnica Desentupidora, que atua em São Paulo, no Litoral e em diversas cidades do estado, atua diariamente no desentupimento de rede de esgoto. Por isso estamos trazendo algumas informações importantes sobre esse tipo de serviço.

Desentupir rede de esgoto: O que você precisa saber

A rede de esgoto tem um funcionamento relativamente simples. A rede coleta os efluentes derivados de pia e vasos sanitários e os direciona para a caixa de coleta principal, que vai para a rede de captação da rua.

A partir deste momento a rede de esgoto municipal carrega os efluentes até a estação de tratamento, onde a água é tratada para reuso.

A única parte que difere nesse processo é em relação a água que vem da pia das cozinhas. Essa água passa antes por uma caixa de gordura, que coleta partículas de óleo para que esse elemento não entre em contato com a água que vai ser tratada.

1 litro de óleo contamina 10 mil litros de água e prejudica bastante o tratamento na estação. Além disso, o óleo entope canos com facilidade e é o principal vilão da rede de esgoto. Por isso a caixa de gordura é tão importante.

O que pode causar o entupimento da rede de esgoto?

Existem muitos fatores que podem acabar causando o entupimento dos canos e da tubulação de esgoto. As principais causas são os dejetos, orgânicos ou artificiais (como objetos sólidos) que são jogados pelo encanamento.

Os principais culpados são a gordura e restos de comida jogados na pia e objetos sólidos jogados pelo vaso sanitário. O cabelo também aparece como uma causa recorrente, causando entupimentos graves.

Em uma escala mais incomum, o entupimento da rede de esgoto pode acontecer por ações externas, como o crescimento de raízes que adentram o cano ou por quebras.

Como evitar o entupimento da rede de esgoto?

Prevenir é sempre melhor do que remediar, não é mesmo? Isso não é diferente com a rede de esgoto. Um entupimento sempre vai ser um problema grave, mas que pode ser evitado com algumas dicas simples.

  • A primeira e mais importante é nunca jogar nenhum tipo de objeto sólido dentro do vaso sanitário ou dentro de pias e ralos;
  • Outra dica fundamental é nunca jogar restos de comida no ralo da pia. Sempre jogue os restos fora no lixo e retire o excesso de gordura antes de lavar a louça. O óleo pode ser guardado em uma garrafa e levado para um centro de coleta para ser feito a reciclagem.
  • Sempre retire cabelos dos ralos do banheiro. O cabelo deve ser jogado no lixo, já que ele pode acabar acumulando (principalmente nas curvas da tubulação) e causando um entupimento grave.

Com essas dicas você evita a necessidade de desentupir rede de esgoto por mais tempo.

Como desentupir rede de esgoto

Mesmo seguindo essas dicas, os entupimentos ainda podem acontecer. Por isso é fundamental saber como desentupir rede de esgoto.

Existem três maneiras fáceis de realizar isso: Expulsando a obstrução pelo cano através de vácuo e pressão, puxar a obstrução com o uso de ferramentas e soluções químicas.

No primeiro caso temos o sempre clássico e útil desentupidor. Ele pode ser usado em ralos, pias e no vaso sanitário de forma bem simples. Ele funciona criando um vácuo que empurra a obstrução para que ela libere a vasão de água.

Dependendo do tipo do entupimento, essa não é uma solução garantida. Por isso temos o segundo método, a remoção da obstrução.

Essa remoção é feita através de equipamentos que são colocados no cano e podem puxar a obstrução para fora. Geralmente são hastes metálicas flexíveis com uma ponta que enrosca e remove a obstrução.

Por fim temos as soluções químicas, como a soda cáustica. Porém, apesar de ser muito comum, não recomendamos o uso desse produto para desentupir rede de esgoto.

A soda pode amolecer e danificar os canos, além de poder causar novos entupimentos quando em contato com a gordura.

A solução mais prática e garantida para desentupir rede de esgoto é contratando uma empresa de desentupimento!

A Desentupidora Esgotecnica traz para seus clientes as melhores soluções e os melhores profissionais para realizar desentupimento de canos de forma rápida e segura.

Com mais de 20 anos de experiência, garantimos que o seu problema será solucionado com toda a agilidade e confiança que esse tipo de serviço exige.

Esgotecnica é entrevistada para matéria do Estadão

Aquecedores a gás são perigosos em apartamentos? Tire duas dúvidas

Como deve ser feita a instalação? Como identificar um vazamento? O que fazer? O condomínio tem alguma responsabilidade?

SÃO PAULO – A morte de quatro pessoas da mesma família em um apartamento em Santo André, no ABC paulista, neste domingo, 14, trouxe novas discussões sobre a segurança do uso de equipamentos a gás em ambientes domésticos. No Brasil, há uma série de normas técnicas, selos e manuais que indicam os produtos e formas de instalação mais seguros.

Com a queima, o gás – normalmente, natural (GN) ou liquefeito de petróleo (GLP) – passa por reações químicas que o transforma em dióxido de carbono e água. Quando a combustão é incompleta (como em um vazamento), contudo,  pode dar origem ao monóxido de carbono. Em geral, é possível identificar vazamentos pelo cheiro.

Ao contrário do que se pensa, os vazamentos domésticos de gás promovem mais asfixias do que incêndios. Uma vez disperso no ar em volume suficiente, uma simples faísca pode ocasionar explosão. Já os efeitos de sua inalação do gás podem ser menos aparentes, mas não menos nocivos.

Confira a seguir perguntas e respostas sobre o uso de aquecedores a gás:

Como deve ser o gás usado?

De acordo com a Associação Brasileira de Aquecimento a Gás (Abagás), o gás combustível usado em aparelhos instalados em apartamentos pode ser dos tipos natural (GN) ou liquefeito de petróleo (GLP). Esses gases são os que alimentam o aparelho para produzir a chama, têm cheiro característico e, por sua natureza, são inflamáveis. Por isso, o risco de vazamento e acúmulo de gás combustível está associado ao perigo de incêndio e explosão.

Já os produtos da combustão são gases resultantes da queima (não só de gás combustível, mas de lenha, carvão, qualquer tipo de chama). Um dos componentes dos produtos da combustão é o monóxido de carbono, um gás que não tem cheiro: se houver acúmulo no ambiente (seja por problemas com o duto de exaustão quando há, ou com as aberturas de ventilação permanentes) existe risco de asfixia.

Como é a instalação

Aquecedor não pode ser ligado sem a chaminé

Quais são os procedimentos corretos para a instalação de um aquecedor a gás?

O presidente da Abagás, Leonardo Abreu, ressaltou que a instalação de qualquer aparelho para aquecimento a gás deve cumprir uma norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a NBR-13.103.

“Essa norma estabelece que o local de instalação do equipamento deve atender aos requisitos de volume mínimo e ter aberturas de ventilação permanente adequados ao tipo de equipamento e sua potência”, explicou o presidente da Abagás. “Em um ambiente interno, como uma residência, todos os aparelhos necessitam de duto de exaustão (chaminé).”

Quem garante a instalação? E quem fiscaliza?

Segundo a Esgotecnica, empresa especializada em detectar vazamentos, a companhia contratada para instalação do aparelho deve seguir regras da ABNT. Na área de gás canalizado, a fiscalização é competência de órgãos estaduais, conforme o determinado pela Constituição. Em São Paulo, cabe à Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp).

O condomínio deve ter alguma responsabilidade, por exemplo, de monitorar se há chaminés e dutos instalados corretamente?

Na avaliação do diretor de relações institucionais da Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC), Eduardo Zangari, o condomínio pode interferir apenas se identificar vazamentos na tubulação que passa em áreas comuns do prédio.

“A forma de aquecimento de água é uma decisão do apartamento, que pode ter aquecedor a gás ou elétrico. Não cabe ao condomínio legislar sobre a casa de alguém, cabe fiscalizar somente o que pode colocar em risco os outros moradores”, afirmou o diretor da AABIC, associação que representa mais de 16 mil condomínios na capital paulista – cerca de metade deles com aquecedor a gás.

Zangari afirmou que, se os vizinhos ou a administração do condomínio notarem um problema em um apartamento, como vazamento de gás, e o morador não tomar nenhuma medida, o caso pode ser levado à Justiça. “É como se ele fizesse uma obra, por exemplo, e derrubasse uma pilastra, o que colocaria em risco a estrutura do prédio. É preciso um forte indício de que aquela unidade coloca em risco a massa condominial.”

O gás que vaza tem cheiro?

O gás não tem cheiro, mas é aplicado um aditivo chamado mercaptano, responsável pelo odor forte exalado quando há uma vazamento e usado para alertar as pessoas do risco.

Quais são os sinais de risco? Como identificar um vazamento?

O principal alerta é o forte cheiro de gás. Os manuais do Programa Nacional de Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e do Gás Natural (Conpet)indicam uma técnica simples para verificar se há vazamento: aproximar uma esponja de cozinha com água e sabão do botijão, cilindro ou aquecedor a gás. Se aparecerem bolhas, há vazamento. Independentemente do resultado, em caso de suspeitas, é recomendado procurar assistência técnica especializada.

Há algum aparelho capaz de detectar qualquer gás no ambiente? Como funciona?

Sim, há um dispositivo obrigatório em alguns países da Europa que consegue identificar os gases presentes no ambiente. Segundo o presidente da Abagás, Leonardo Abreu, detectores de concentração disparam um alarme quando um gás tóxico atinge um nível perigoso. O aparelho, porém, não é usado no Brasil.

“Na Europa, o espaço dos apartamentos é muito menor. Com um histórico maior de acidentes, aumentaram-se as exigências de dispositivos de segurança”, declarou Abreu.

O que fazer em caso de vazamento de gás?

De acordo com a Abagás, caso haja suspeita de vazamento ou mau funcionamento dos equipamentos a gás, como cheiro forte, ruído excessivo e diferente, náusea ou mal-estar súbito com o aparelho ligado, as instruções abaixo devem ser seguidas:

– Não acender luzes ou acionar equipamentos elétricos;

– Não utilizar fósforos ou isqueiros;

– Ventilar o local com a abertura de janelas e portas;

– Fechar as válvulas de bloqueio dos equipamentos;

– Sair do ambiente;

– Comunicar imediatamente a ocorrência para o número de emergência da concessionária que fornece o gás natural encanado ou o Corpo de Bombeiros.

Fonte: Estadão

É possível desentupir meu esgoto sem quebrar pisos e paredes?

Os entupimentos são problemas recorrentes e bastante chatos no dia-a-dia de algumas residências, eles podem causar bastante desconforto e atrapalhar bastante a rotina de muitas pessoas. Por isso é importante que esses problemas no sistema de esgoto sejam corrigidos o quanto antes.

Porém, sempre que alguém tem nota um entupimento em algum cano, já vem aquele pensamento sobre a quebra de pisos e paredes para pode resolver o problema. Muitas vezes esse quebra-quebra é ainda mais chato e muito mais trabalhoso do que o entupimento em si. Felizmente, existem diversas maneiras de resolver o entupimento de uma residência sem ter que quebrar nada.

Para ajudar a esclarecer nossos clientes, a Esgotecnica está trazendo um artigo sobre as nossas soluções para desentupir o esgoto sem quebrar pisos e paredes.

Desentupimento sem quebrar pisos e paredes

Desentupir um encanamento não precisa mais ser um trabalho complicado e cheio de quebras por toda a residência. Claro que para isso você precisa contar com profissionais especializados e os melhores equipamentos para garantir que o trabalho seja feito maximizando a eficiência e anulando os danos estruturais ao imóvel.

Mas como é feito esse serviço exatamente? Bom, as desentupidoras profissionais como a Esgotecnica contam com diversos equipamentos e métodos para realizar desentupimentos de qualquer tipo de entupimento, dos mais simples até os mais complexos.

Como é feito o desentupimento

O primeiro ponto a ser considerado é a detecção do entupimento. Esse não é um ponto difícil, principalmente com a planta hidráulica da casa. De forma geral, o entupimento vai ser resolvido a partir do ponto onde é possível identifica-lo. Por exemplo, se o vaso está com vasão baixa, o desentupimento vai ser feito a partir dele.

Outro ponto importante é determinar a profundidade do entupimento. Se ele estiver no começo do ralo ou logo no final da entrada do vaso, é possível usar um gancho para puxar a obstrução e resolver o entupimento rapidamente.

Caso o entupimento esteja mais fundo, é hora de usar equipamentos mais especializados.

Quais os equipamentos utilizados

Contamos com diversos equipamentos para realizar diferentes tipos de obstruções, desde o clássico desentupidor, que pode ajudar muito nos entupimentos mais simples, até o hidrojateamento para os casos muito mais complexos e de grande escala.

Na maioria dos casos residenciais o problema é resolvido com as máquinas manuais. Essas maquinas possuem um cabo extensível com uma mola na ponta. A máquina é acionada por uma manivela, que é rodada e faz com que o cabo entre pelo cano. Por ser maleável, o cabo consegue fazer todas as curvas sem forçar o encanamento e sem danificar nenhum dos canos.

A cabeça em formato de mola enrosca na obstrução e a retira do caminho quando o cabo é enrolado de volta para o técnico. As máquinas possuem diversos tamanhos e são usadas dependendo do caso, muitos eles conseguem percorrer mais de 10 metros.

Esses equipamentos também funcionam para obstrução por gordura, já que eles vão limpando a parede do encanamento.

Se essas soluções não forem efetivas e o entupimento for muito grave, é possível usar o hidrojateamento. Essa técnica é a mais poderosa para o desentupimento sem quebrar paredes e piso.

O hidrojateamento é feito com um uso de caminhão com um tanque de água pressurizado. O tanque é ligado à uma mangueira maleável, que assim como as outras opções, consegue percorrer todo o encanamento sem forçar as curvas.

O jato de água, tem força o suficiente para destruir qualquer obstrução dentro do encanamento, até mesmo em canos de grande polegada. Por mais forte que é o jato de água, ele não quebra os canos.

Independente do tipo de entupimento, a Desentupidora Esgotecnica pode resolver os problemas sem nenhum quebra-quebra.

A melhor solução para o dia-a-dia

A melhor solução para os entupimentos é sempre evitar esses problemas. Isso pode ser feito ao deixar de jogar restos de comida, principalmente óleo, dentro do encanamento da pia da cozinha.

Para os outros ralos, nada de deixar que objetos sólidos entrem para o encanamento. Até mesmo o cabelo pode causar problemas graves do entupimento. Por isso, esteja sempre de olho nesses quesitos para proteger a sua tubulação.

A segunda melhor solução é sempre contar com a Esgotecnica para resolver os problemas com o entupimento. Garantimos satisfação completa para nossos clientes, atendendo 24h para que você não precise esperar por uma solução.

Além de entupimentos, também atuamos com vazamentos com detecção precisa e também sem o quebra-quebra característico desses procedimentos. Com a gente você encontra diferentes opções em hidráulica e elétrica para que o seu lar esteja sempre confortável e sem nenhum problema.

Entre em contato com a gente e conheça nossos serviços e soluções. Sabemos que você vai encontrar tudo o que procura na Esgotecnica! Com a gente você não passa raiva.

Como prevenir entupimento de tubulações de esgoto

Evitar entupimento de tubulações de esgoto é a melhor maneira de não ter problemas com os canos da sua residência.

A Esgotecnica juntou algumas dicas de especialistas para garantir que você não tenha mais problemas com entupimentos!

O encanamento é um dos pontos mais importantes da maioria dos imóveis. Ele é responsável pelo que chamamos de conforto invisível. Quando temos algum problema na tubulação o conforto de todos pode ser prejudicado rapidamente.

Quem já passou pela situação de ter que lidar com um cano entupido sabe o tamanho do desconforto.

Alguns sinais de uma tubulação entupida:

  • O primeiro sinal de entupimento são os barulhos nos ralos. Quando entupido, a tubulação faz bastante barulho de borbulhas, principalmente nos ralos do chuveiro e das pias.
  • Escoamento lento. Quando um cano está entupido o escoamento de água é bem mais lento. Algumas vezes ele pode até parar completamente, deixando água parada em pias e no box do banheiro.
  • Mau cheiro. O último e mais incomodo dos problemas com entupimento da tubulação. Dependendo do que está entupido, o cheiro pode ser bem grave, principalmente no banheiro.

Estes são os principais sinais de que você está lidando com problemas de tubulação entupida. Como dá para perceber é uma situação bem complicada.

Ao notar que o encanamento está entupido é possível realizar a desobstrução. Porém, é possível evitar o entupimento de tubulações com alguns cuidados que vão desde a construção até o uso no dia-a-dia.

Dicas de construção para evitar entupimento de tubulação no futuro

Evitar o entupimento é algo que vem desde o começo da construção de toda a tubulação. A primeira dica importante é não usar tubos menores do que 100mm de diâmetro. Os canos com dimensões menores provavelmente terão problema com o volume de esgoto.

Outra dica importante é tentar fazer o menor número possível de curvas na tubulação. Isso facilita futuros desentupimentos caso hajam problemas com os canos.

Também é importante a construção ou instalação correta de uma caixa de gordura para que a tubulação da cozinha não sofra com o acúmulo de gordura. A instalação de sifões nas pias também é importante.

Essas são dicas simples para evitar o entupimento de tubulação. Mas além da construção, o cuidado no dia-a-dia também é muito importante.

O que fazer para evitar entupimento de tubulação

A tubulação geralmente entope por um mesmo motivo: gordura dentro do cano. Essa é a principal causa dos maiores problemas com canos entupidos. Logo depois da gordura vem os objetos sólidos jogados dentro do vaso e dos ralos.

O comum é que a gordura venha sempre da cozinha. A principal fonte de gordura no cano são as pias e o ato de lavar os pratos e talheres. Mesmo sem perceber, as pessoas podem acabar prejudicando a tubulação.

Outro foco de entupimentos é o banheiro, já que muitos objetivos podem acabar parando dentro do vaso sanitário e enroscar no cano durante a descarga.

Portanto, vamos por parte para mostrar como evitar entupimento de tubulação na sua casa.

Como evitar entupimento de tubulações – Dicas para a cozinha

Vamos começar com a parte principal: A cozinha.

O grande segredo para evitar que o encanamento da cozinha acabe ficando entupido por conta da gordura é tomar muito cuidado na hora de lavar a louça.

Não deixe nenhum resto de comida entrar para dentro do ralo. Essa é uma atitude importante, antes de jogar água no prato e começar a lavar, jogo todos os restos no lixo.

Os dejetos de comida podem acabar enroscando nas paredes da tubulação e consequentemente entupindo o encanamento. Se a louça estiver com muito óleo ou gordura, recomenda-se colocar esses dejetos dentro de uma garrafa pet que depois deve ser destinada para uma empresa de coleta que possa utilizar o óleo.

Além de enroscar na parede do cano e causar entupimentos na tubulação o óleo é altamente contaminante para a água potável e pode causar verdadeiros desastres ambientais.

Uma outra dica legal é ferver um pouco de água e despejar no ralo da pia algumas vezes por semana. A água quente limpa a gordura na parede da tubulação e prolonga o tempo de vida dos canos.

Só é importante verificar se o sifão aguenta a temperatura da água antes de realizar o procedimento.

Dicas para evitar entupimento de tubulações no banheiro

O grande vilão do entupimento no banheiro são os objetos jogados dentro do vaso, desde o fio dental até absorventes. A regra para o vaso sanitário é muito clara: Nunca dê descarga em objetos que não são dejetos humanos ou papel higiênico.

A maioria das tubulações dos banheiros pode receber papel higiênico. Porém, lenços umedecidos, preservativos, fio dental e qualquer outro item pode representar muito risco para a tubulação do seu imóvel.

Nem mesmo cabelo e unhas devem ser jogados dentro do encanamento. Esses itens não dissolvem e podem causar uma obstrução grave em pouco tempo.

Seguindo essas regras simples, você tem a certeza de que não terá que se preocupar com entupimentos incômodos tão cedo.

Não deu tempo de prevenir? Então é só ligar para a Desentupidora Esgotecnica que a gente garante um serviço rápido e eficiente para a Grande São Paulo e região!

Você sabe qual é a vida útil do encanamento do seu imóvel?

Os imóveis são construídos para durar anos e décadas, alguns até alcançando o centenário. Mas apesar destas construções estarem sempre de pé, será que as outras partes possuem vida útil menor?

Pois bem, tudo possui vida útil, desde os equipamentos eletrônicos e eletrodomésticos até a instalação elétrica, tudo precisa ser trocado. Mas e a vida útil do encanamento, quando é necessário trocar essas peças?

Isso é algo que muita gente nem ao menos considera, apenas levando em conta que enquanto a tubulação não dá sinais de defeito, está tudo bem. A Desentupidora Esgotecnica vai desmistificar um pouco este assunto neste artigo, garantindo que você esteja preparado para qualquer imprevisto.

Qual o tempo de vida útil do encanamento

O tempo de vida útil do encanamento depende do material que ele foi construído. Confira aqui os principais materiais e o tempo útil de vida de cada um.

Tubos metálicos

Os tubos metálicos, quase sempre feitos de aço galvanizado, são usados em diversas tubulações, sendo bem comuns em imóveis comerciais, construídos para serem mais duráveis e resistentes.

Os tubos metálicos são bem fortes e possuem um material capaz de durar de 12 a 18 anos sem apresentar falhas. Este tipo de tubulação é recomendado para a tubulação de incêndio e para edifícios altos.

Tubos de cobre

Também muito comuns, os tubos de cobre são ideias para encanamentos de água quente devido a sua alta estabilidade químicas. Dentre todos os tipos de materiais usados para tubulações, os canos de cobre são os que podem durar mais tempo, chegando a um tempo de vida útil de até 80 anos nas condições certas.

Tubos de PVC

Os tubos de PVC são os grandes campeões quando o assunto é a construção residencial. Eles são usados na grande maioria das obras e são recomendados para o abastecimento de água e o esgoto geral.

O PVC é altamente resistente à corrosão e tem um custo de manutenção relativamente baixo. A flexibilidade deste material também é excelente, garantindo resistência a diversas ações externas. Os anos de PVC possuem vida útil de mais ou menos 25 anos, podem chegar até 45 com a manutenção adequada.

Como aumentar a vida útil do encanamento

Como várias outras coisas, o encanamento só pode alcançar o seu máximo se for bem cuidado. Em alguns casos é até possível aumentar o tempo de vida da tubulação com a manutenção correta e algumas dicas simples.

Entenda sobre os materiais e os seus usos

A primeira e mais importante dica é saber quando e como usar cada tipo de material. É preciso entender que cada um deve ser usado em diferentes tubulações. Usar tubos de PVC para tubulação de água quente com certeza vai diminuir drasticamente a vida útil do produto. Já o aço galvanizado pode ser prejudicado pelos minerais encontrados na rede de água.

Durante a construção ou reparo da rede de esgoto, é necessário usar todos os materiais corretos para garantir que o material não seja desgastado antes do tempo.

Cuidado com encanamentos antigos

Os encanamentos antigos estão maus suscetíveis a problemas, não apenas pela idade, mas também por ter sido feito em normas que não são mais eficientes. Isso pode fazer com que o encanamento tenha problemas constantes ou dificultar bastante reparos e substituições, problema ainda mais grave em edifícios.

Se em um imóvel há tubulações mais antigas, com mais ou menos 30 anos, é indicado a troca completa da rede hidráulica.  Essa troca é necessária também para evitar entupimentos. Já que a parede dos canos fica espessas com o tempo.

Proteja os encanamentos

É preciso proteger os encanamentos da forma correta. Esta proteção é feita através do uso das juntas apropriadas para cada material. como por exemplo a solda para canos de metal e veda rosca para os outros, evitando futuros vazamentos. Isso evita um possível desgaste prematuro de todos os canos.

Limpeza e manutenção

A limpeza e a manutenção são importantíssimas para que o encanamento esteja sempre em boas condições e atinja a sua vida útil máxima. A limpeza dos canos, de acordo com cada material, evita que produtos corrosivos fiquem tempo o suficiente em contato com o material para causar danos sérios.

No caso dos canos de PVC o maior cuidado é com o acúmulo de gordura.

Cuidados com a mão de obra

Não adianta ter material de alta qualidade se você não contratar mão de obra especializada para realizar a manutenção e as instalações do sistema. Ao contratar pessoal treinado, você tem a certeza de que está deixando o encanamento em boas mãos e que não terá problemas no futuro.

Você encontra essa mão de obra especializada com a Esgotecnica! Temos profissionais altamente treinados para garantir que a manutenção do seu encanamento seja feita de forma correta e com todos os procedimentos adequados.

Entre em contato com a gente e saiba mais sobre nossos serviços de encanador!

Desentupimento de esgoto: qual o melhor método

O entupimento da rede de esgoto é um problema grave e que pode prejudicar o dia a dia de muita gente. A Esgotecnica atua com este tipo de situação há quase duas décadas e sabemos da importância da agilidade e eficiência no desentupimento de esgoto.

Existem vários métodos para a desobstrução do encanamento de esgoto. Cada um é melhor usado em uma situação diferente, porém, existem alguns que são mais efetivos ou então menos problemáticos.

A grande dificuldade na hora na hora de desentupir o esgoto está na localização do problema. Como a grande maioria sabe, o sistema de encanamento possui várias peças, curvas e caminhos em uma residência. Muitas vezes o entupimento está em um lugar de difícil acesso e isso dificulta a solução do problema.

Também é necessário saber qual o tipo de obstrução. Na grande maioria dos entupimentos o problema está no acúmulo de gordura nas paredes do cano. Mas a obstrução pode acontecer por outros dejetos humanos ou objetos sólidos que foram parar dentro do encanamento.

Porém, antes de ter que resolver o problema, o melhor é sempre tentar prevenir este tipo de situação.

Como prevenir o entupimento de esgoto

No caso de objetos sólidos a regra é bem simples: Nada deve ser jogado no esgoto, absolutamente nada.

Ao contrário de países europeus, o sistema de esgoto brasileiro não é feito para receber papel higiênico e outros produtos “que desmancham”. Este tipo de objeto pode causar um grave entupimento. Não apenas isso, mas objetos sólidos aumenta o trabalho das empresas de coleta e tratamento e encarecem todo o procedimento.

Ou seja, de um jeito ou de outro acabamos sentido os malefícios deste comportamento. Portanto, nunca jogue fio dental, papel higiênico, resto de sabonete, lenços, preservativos, absorventes íntimos e qualquer outro produto sólido no vaso sanitário.

Já no caso dos entupimentos por gordura, eles podem ser prevenidos de duas maneiras: A primeira é não jogar óleo de cozinha e gordura na pia. A segunda é através do uso de água quente.

Pelo menos uma vez por semana, ferva um litro de água e derrame no encanamento da pia. Logo em seguida jogue água em temperatura ambiente. Desta maneira, a água quente derrete e solta a gordura no cano e a água normal a “empurra”.

Isso previne entupimentos e dá a tranquilidade de que seu encanamento funcionará por muito mais tempo sem dar problemas.

Qual o melhor método de desentupimento do esgoto

O desentupimento depende muito do tipo de problema. Em caso de objetos sólidos a melhor solução é o uso de um desentupidor ou qualquer outra ação mecânica manual. Seja por métodos á vácuo, empurrando ou até mesmo tentando retirar a obstrução com um arame.

Caso o objeto seja um sabonete, é possível que água quente resolva o problema rapidamente. Porém, o desentupidor ou qualquer variante será o seu melhor amigo para estas situações.

Lembrando que você nunca deve forçar uma obstrução. Caso o entupimento não cesse, não faça mais força ou o encanamento pode quebrar. O conserto do encanamento sai mais caro e mais trabalhoso do que o desentupimento.

Quando o problema é grave, a solução é chamar a Esgotecnica realizar o desentupimento de forma rápida e segura.

Desentupimento de esgoto com gordura

Já com a gordura existem soluções mecânicas e química que podem dar um jeito no entupimento. Confira os melhores métodos de desentupimento recomendados pela Esgotecnica.

Vinagre e Bicarbonato

Retire toda a água de dentro da pia onde há o entupimento. Coloque uma colher de bicarbonato e em seguida jogue dois copos de água quente. Aguarde cerca de 15 minutos e adicionei um copo de vinagre.

Tape o ralo com uma tampa ou algum pano e espere alguns minutos. A mistura começará a efervescer liberando a sujeira que está bloqueando a passagem da água. Assim que a efervescência diminuir, retire o pano e jogue água fria dentro do cano para empurrar a sujeira.

Substituir água quente por suco de limão quente é uma ótima ideia, já que ele potencializa a mistura e deixa um cheiro agradável na pia.

Detergente e água quente

Se a pia estiver seca, ou se for possível retirar toda a água de dentro dela, despeje detergente dentro do cano. Ele quebra as moléculas de gordura e solta boa parte do dejeto preso ao cano. Depois basta jogar água quente para finalizar o serviço e remover a sujeira de vez.

Não é recomendado o uso de soda cáustica nestes casos, já que ele é um produto químico perigoso e que precisa ser manuseado com cuidado.

Peça ajuda profissional

Mesmo com os melhores métodos de desentupimento de esgoto o problema pode não ser resolvido. Nestes casos é necessária a ajuda profissional.

A Desentupidora Esgotecnica tem uma equipe treinada pronta para resolver o seu problema de entupimento rapidamente. Contamos também com modernos equipamentos e os melhores métodos para desobstruir o encanamento.

Não passe raiva, chame a Esgotecnica.

Desentupimento de colunas: o que você precisa saber

Dentro de residências temos a rede coletora de esgoto. Mesmo em casas com dois andares, a rede é considerada horizontal. Quando falamos de coleta de esgoto em prédios, o sistema principal são as colunas coletoras. Para ajudar nossos clientes, a Esgotecnica vai falar um pouco sobre estas estruturas e também sobre o desentupimento de colunas coletoras.

Para entender a coluna coletora, precisamos entender um pouco como funciona a rede de esgoto predial.

Vamos pegar o exemplo de um condomínio. Este condomínio possui diversos apartamentos. Cada um com sua rede de esgoto própria e independente. Esta estrutura é horizonta e responsável por levar o esgoto até a coluna coletora.

A coluna coletora, que é uma estrutura vertical, está ligada a todas as redes de esgoto de cada apartamento. Os efluentes de cada apartamento são jogados na coluna, que por sua vez é responsável por levar o esgoto para a rede de tratamento.

O desentupimento de colunas coletoras é um serviço que deve ser realizado com eficiência e rapidez. A coluna coletora, por ser responsável por praticamente todo o esgoto de um prédio, é vital para o bem-estar de todos os moradores.

Em caso de entupimentos, é comum que muita gente acabe sendo transtornada. Existem até mesmo notícias sobre garagens que são completamente inundadas por causa de entupimento na coluna coletora. Ou seja, ao identificar qualquer tipo de problema nesta estrutura, é necessário agir com prontidão e chamar uma desentupidora. Nestes casos, você sempre pode contar com a Esgotecnica.

Cuidados com as colunas coletoras

Antes de falarmos sobre o desentupimento de colunas coletoras, é bom sempre saber como prevenir o problema, não é mesmo? Evitar que a coluna coletora entupa é tão simples quando evitar que a rede residência tenha problemas. Basta se preocupar com o que você joga no ralo.

Ter bons comportamentos em relação o despejo de dejetos na pia e nos ralos é a principal maneira de evitar a grande maioria dos problemas na rede de esgoto.

Os principais vilões das colunas coletoras são:

  • Dejetos sólidos que acabam enroscando no encanamento.
  • O acumulo de gordura no cano também é um dos grandes causadores de entupimento nas colunas coletoras.
  • Acumulo de restos de alimentos.
  • Objetos como papel higiênico, preservativos, fio dental, lenços umedecidos e qualquer outro objeto sólido pelo vaso sanitário.
  • Tubulação antiga e com defeitos devido a falta de manutenção ou manutenção preventiva não realizada na periodicidade correta.

Estes são os principais cuidados a se tomar com o encanamento de um prédio e também de uma residência. Estás são regras básicas que valem para qualquer tipo de rede de esgoto.

Lembre-se que prevenir é sempre melhor do que remediar. Então, lembre-se de se comunicar com os moradores ou funcionários do prédio e os conscientize da importância de cuidar bem do encanamento. Além de reforçar a importância de nunca jogar óleo ou restos de comida pelos ralos.

Desentupimento de colunas coletoras – O que você precisa saber

Como dissemos, assim que o entupimento for notado, é necessário agir com prontidão para evitar transtornos, afinal, o estrago pode ser grande e acabar prejudicando muita gente, talvez o prédio todo.

Para saber qual a ação deve ser tomada para desentupidor a coluna coletora, é interessante contar com a ajuda de uma empresa profissional e que tenha bastante expertise no assunto.

Por exemplo, em alguns casos, o entupimento pode ser simples e com soluções fáceis. Algumas soluções que realizados dentro de residências comuns podem ser o suficiente. Principalmente quando o entupimento está localizado próximo da rede horizontal de esgoto.

Em casos mais complicados, é necessário fazer o desentupimento de colunas coletoras com a ajuda profissional. Recomenda-se nunca tentar soluções caseiras para este tipo e problema. Ao tentar solucionar o problema por conta própria, é possível que uma ação malfeita quebre parte do encanamento.

E como gostamos sempre de lembrar, é muito mais fácil desentupir um cano do ter que quebrar tudo para consertar um cano quebrado.

Portanto, é interessante chamar a Esgotecnica para desentupir colunas coletoras na Grande São Paulo e em cidades do interior do estado.

Tecnologia no desentupimento de colunas coletoras

A Esgotecnica conta com equipamentos de ponta para encontrar o entupimento e realizar o serviço de desobstrução. Para evitar qualquer dano, usamos os cabos de inspeção para encontrar o ponto do problema.

A partir do problema solucionado, nossos profissionais determinarão qual é a melhor forma de agir para desentupir a coluna sem causar nenhum transtorno e aos moradores e à administração do prédio.

Portanto, sempre que precisar de manutenção na coluna coletora conte com a Desentupidora Esgotecnica! Somos uma empresa com mais de 20 anos no mercado e com muita tradição em São Paulo e estado de São Paulo.

Apostamos na capacitação de nossos funcionários, além de investir bastante nos melhores equipamentos e métodos para solucionar qualquer tipo de problema na rede de esgoto.

Dedetização de Condomínios - Lei

Esgotecnica – Lei de dedetização em condomínios

Uma preocupação que deve ser constante em condomínios é o controle de pragas e vetores. Por ser um local com muitas pessoas, o controle de pragas é anda mais critico, afinal muitas pessoas poderiam estar em risco por causa de animais como baratas e ratos. Mas além da conscientização, existe alguma lei de dedetização em condomínios? A Esgotecnica esclarece tudo para você.

Na verdade, não existe uma lei que regulamente todas as dedetizações dos condomínios em território nacional. Existem leis em níveis estaduais e municipais que tratam deste assunto.

Este tipo de regra pode mudar de cidade para cidade, estado para estado, ou como na maioria dos casos, pode nem ao menos existir uma obrigatoriedade de frequência de dedetização em condomínios.

Porém, existe um consenso de que é necessário contratar serviços de dedetização de forma semestral. Isso garante que as pragas não tenham a chance de proliferar e causar estragos à saúde dos condôminos, o que pode trazer muita dor de cabeça e prejuízo para o condomínio.

O que a lei determina é que a administração do condomínio é responsável por cuidar das áreas comuns do prédio. Portanto, o serviço de dedetização deve ser feito pelo síndico.

Um fator interessante a se levar em conta é a contratação de uma empresa de dedetização que oferece serviços de manutenção preventiva. Desta maneira o condomínio paga um valor anual e a empresa contratada faz os serviços com uma certa periodicidade.

Este tipo de contrato pode economizar até 30% em comparação com o pagamento de serviços feitos de forma avulsa. Além de economizar, os contratos de manutenção também são a melhor forma de garantir o controle de pragas e a qualidade de vida dos moradores.

Um conselho interessante é colocar esta pauta em uma assembleia entre os moradores. Apesar de não haver uma lei de dedetização em condomínios, é possível que a administração junto aos moradores consiga elaborar uma norma interna em relação ao assunto.

Apesar de não haver leis para a parte do condomínio, existem muitas leis e normas que fiscalizam e regulamentam as empresas de dedetização.

Como saber se a empresa segue as leis de dedetização em condomínio?

Para evitar dores de cabeças e até mesmos graves riscos à saúde é importante contratar uma empresa que atue de acordo com a legislação e todas as regras e normas vigentes para a dedetização em condomínios.

A melhor maneira de checar se a empresa está dentro da legislação é certificar que ela tem todas as licenças de atuação dos órgãos fiscalizadores. Entre as principais certificações que você precisa analisar em uma empresa de dedetização estão:

  • Alvará de Funcionamento: Este documento emitido pela prefeitura é a prova de que a empresa está totalmente de acordo com as leis e normas necessárias para atuar nesta área. Para retirar o alvará é necessário ter todas as outras licenças de atuação;
  • Licença da CEVS: O Cadastro Estadual de Vigilância Sanitária garante que a empresa preza pela qualidade de vida do meio ambiente e segue todas as regras necessárias para não agredir a saúde pública;
  • CRQ: A licença do Conselho Regional de Química garante que a empresa utiliza produtos químicos e métodos de aplicação que estão dentro das leis e que não impactam o meio ambiente e a população de forma negativa.

Estima-se que no estado de São Paulo existem pelo menos 1.800 empresas que não trabalham com as devidas certificações e atuam fora das normas de regulamentação.

Antes de contratar uma empresa para realizar a dedetização no condomínio certifique-se que ela cumpre todas as leis, assim você garante a segurança de todos os condôminos. Não vale a pena arriscar!

A lei para dedetização em condomínios também diz que as empresas precisam oferecer 30 dias de garantia após o procedimento. Algumas empresas oferecem de 3 a 6 meses de garantia após a dedetização.

Caso você queria ter certeza sobre a lei de dedetização de condomínio no seu estado ou na sua cidade, procure o centro de zoonoses e controle de pragas. Este órgão pode oferecer as regras e leis vigentes na sua região.

Confie em uma empresa que siga todas as leis de dedetização em condomínio

Está procurando uma empresa de dedetização para o seu condomínio? E quer ter a certeza de que está confiando em uma empresa séria e que respeita todos os procedimentos para garantir a saúde dos moradores e do meio ambiente? Conte com a Esgotecnica!

A Esgotecnica oferece todas as soluções para acabar com qualquer praga urbana dentro da área do prédio.

A Esgotecnica também tem todas as certificações necessárias para atuação. A empresa conta com muitos anos de experiência, além de vários casos de sucesso e clientes satisfeitos com o nosso serviço de dedetização.

Entre em contato com a gente e conheça mais sobre os nossos serviços, condições e empresa. Garantimos que você encontrará tudo o que precisa para livrar o seu condomínio de pragas e vetores.

Detecção de vazamento de esgoto: qual o melhor método

Os vazamentos de esgoto são um problema grave que infelizmente precisamos enfrentar de vez em quanto. O grande problema deste tipo de vazamento é identificar onde ele está ocorrendo.

Isso acontece porque este tipo de vazamento comumente acontece debaixo do solo. Quando o vazamento é sob a alvenaria da casa é praticamente detectar o problema ao olho nu. Isso causa transtornos futuros, afinal a infiltração de água por causa do vazamento pode deteriorar a estrutura da casa.

Outro grande problema é, dependendo da onde for o vazamento de esgoto, o cheiro que se acumula é terrível. Até mesmo nestas situações, é difícil identificar o local exato do vazamento, afinal demora bastante até que o cheiro comece a ser evidente através do solo.

O vazamento de esgoto traz graves complicações para o ambiente onde a pessoa vive.

  • Erosões no solo;
  • Falhas na estrutura da casa, principalmente no chão e na parte de baixo de paredes;
  • Cheiro forte e desagradável que pode se alastrar para toda a casa;
  • Contaminação do solo, de lençóis freáticos e até mesmo do ar, dependendo da severidade do problema;
  • Riscos direto para a saúde dos moradores do local.

Este tipo de problema já é um grande incomodo para residências, porém, para empresas e comércios ele é ainda pior.

Em uma empresa, com um maior número de pessoas, o problema não só se agrava, como o número de pessoas transtornadas aumentada. Atrapalhando assim a produção do dia, além de um possível prejuízo financeiro. Isso se a situação não chegar a um ponto onde as atividades precisem ser encerradas por alguns dias.

Em comércios é o mesmo, já imaginou o transtorno para todos os fregueses que estão passando por ali? Com certeza haverá um prejuízo considerável.

Como identificar um vazamento no esgoto?

Diferente do vazamento na tubulação que leva água para a caixa d’água e para as torneiras, que o vazamento pode ser identificado com algumas técnicas bem simples, o vazamento de esgoto é bem mais complicado de ser encontrado.

Como o esgoto que não passa pela saída para a rua não é cobrado, também não há como notar o vazamento por causa da alteração no valor cobrado no final do mês.

Como dissemos não é algo tão fácil de ser feito, principalmente com quintais completamente concretados ou se o vazamento for embaixo da casa sem si.

O primeiro sinal visível de um vazamento de esgoto está no acúmulo de umidade em um local específico. O aumento de umidade pode causar o aumento de musgos no solo. Portanto, manchas verdes de musgo onde não é comum pode ser um dos primeiros sinais de um vazamento inicial.

Se um local do solo começou a apresentar muito musgo, talvez ali haja um problema e é necessário fazer uma averiguação do que está ocasionando as manchas.

Em casos de terreno sem cobertura de concreto, o vazamento é visível quando o solo começa a demonstrar manchas de umidade (mais visíveis ao toque do que ao olho, no caso de quintais com grama).

Geralmente, o mau cheiro também é um dos primeiros sinais a aparecer durante o vazamento de esgoto. O problema é que ele pode aparecer muito antes das manchas de infiltração, deixando todo mundo lidando com o fedor sem saber da onde ele vem.

Qual a melhor maneira de detectar um vazamento de esgoto

A melhor maneira de detectar um vazamento de esgoto é contar com a ajuda de uma empresa especializada nesse tipo de problema. As empresas de caça vazamento possuem equipamentos de alta tecnologia para encontrar o vazamento.

Por exemplo, se você pretende achar um vazamento por conta própria, primeiro você precisa achar o local próximo do vazamento. Após encontrar mais ou menos o local, é preciso começar o quebra-quebra, arrebentando o chão para tentar encontrar o vazamento.

Além de dar muito cansaço, este é um procedimento altamente trabalho e que pode até mesmo causar danos ao encanamento que estava bom. Já imaginou a dor de cabeça? Ao invés de consertar uma trinca ou rachado, você precisa substituir diversas partes do encanamento.

Uma empresa de caça vazamentos possui as melhores técnicas para encontrar o ponto exato do problema. Seja com sonares ou até mesmo com a inspeção por câmera.

A inspeção por câmera é um dos melhores métodos para identificar um possível vazamento. Neste tipo de inspeção, uma câmera é enfiada pelo encanamento, tentando encontrar o ponto exato e qual é o problema.

Apenas após a identificação é que se começa o trabalho de manutenção corretiva. A manutenção, com todas as informações coletadas pela inspeção, é feita de forma rápida e precisa, evitando prejuízos desnecessários e possíveis danos para o sistema de esgoto.

Quer detectar problemas de vazamento no seu esgoto? Chame a Esgotecnica. A nossa empresa conta com as melhores e mais avançadas soluções para trazer satisfação completa!

Como desentupir cano de esgoto com gordura

Canos entupidos com gordura são os incidentes mais comuns relacionados ao encanamento da cozinha. Isso acontece porque a maioria das pessoas ainda tem o costume de descartar óleo de cozinha pelo ralo.

Até mesmo quem tem o costume de jogar o óleo em lugares adequados acaba deixando passar uma vez ou outra.

Esse óleo acaba acumulando dentro dos canos. A gordura e o óleo esfriam e criam uma crosta na parede do encanamento. Após um tempo a passagem de água fica muito apertada para realizar o escoamento correto.

Em casos mais graves o cano é completamente fechado pela gordura, causando um grande desconforto.

Além de causar um grande problema para o encanamento e para a caixa de gordura, o óleo de cozinha também é altamente poluente para a água potável.

Um litro de óleo é capaz de poluir 20 mil litros de água. Essa é uma verdadeira ameaça para todos os corpos d’água da região.

Infelizmente, apesar do entupimento por gordura ser algo comum, não é tão simples conseguir desentupir esse tipo de obstrução.

Geralmente a única forma de resolver esse tipo de obstrução é através de ajuda profissional.

Mas como diz o velho ditado: É melhor prevenir do que remediar. Sempre pense nisso na hora que lembrar do encanamento.

Saiba como evitar o entupimento do seu esgoto:

  • Nunca jogue nenhum tipo de objeto sólido pelo encanamento;
  • Antes de lavar a louça jogue todo o resto de comida no lixo, nunca pelo ralo. Por menor que seja o resto de comida, ele pode acabar acumulando com outros restos jogados no encanamento e causar uma obstrução difícil de ser removida;
  • Óleo de cozinha está -proibido- dentro do ralo. Lembre-se que além de causar um grande problema para o seu encanamento, ele também causa grandes transtornos para a natureza e para as companhias de água e tratamento de esgoto;
  • Para prevenir que os canos sofram algum tipo de obstrução por conta do acúmulo de gordura, ferva um litro de água e jogue pelo encanamento. Faça isso pelo menos uma vez por semana.

Como desentupir cano de esgoto com gordura

Como dissemos antes, infelizmente é bem difícil de se livrar de um entupimento causado por gordura, por isso é tão importante prevenir.

Mas se você precisa dar um jeito no encanamento entupido por gordura há algumas formas que podem funcionar.

  • Caso a pia esteja seca e sem água no cano, tente jogar um pouco de detergente. Após alguns minutos jogue água quente dentro do cano para tentar empurrar a obstrução. O detergente quebra as partículas de gordura e pode acabar desobstruindo o caminho;
  • Água quente com bicarbonato também pode funcionar. Para realizar o desentupimento dessa maneira é preciso jogar bicarbonato dentro do cano e logo depois água quente. Espere a solução agir por alguns minutos e depois jogue mais água para empurrar a obstrução. Substituir a água quente por suco de limão fervendo pode potencializar o efeito;
  • O bicarbonato de sódio junto com o vinagre também pode resolver a obstrução causada por gordura. Coloque duas colheres de bicarbonato dentro do cano, logo após despeje vinagre dentro do ralo e cubra com um pano. Espere 25 minutos e despeje água quente dentro do cano. O suco de limão também funciona nesse método;
  • Se a obstrução precisar de um “empurrãozinho” a mais, enfie uma mangueira pelo cano e tente usar a pressão da água para empurrar a gordura;

Obs: Nunca tente forçar o cano com objetos como cabos de vassoura ou barras de ferro. Isso pode causar rachaduras ou até mesmo quebrar o encanamento inteiro.

Estes métodos geralmente funcionam com entupimentos simples causados por gordura. Porém se nenhum deles funcionar é melhor não tentar mais nada e chamar ajuda profissional.

O uso de produtos químicos não é recomendado, afinal eles podem causar danos ao encanamento, além de apresentarem um grande risco para a integridade física de quem está manuseando o produto.

Para a sua segurança e a segurança do seu imóvel, conte com uma empresa especializada.

Chame ajuda profissional

Se o entupimento estiver “teimando” muito para descer, não fique forçando. Forçar muito pode causar a quebra do encanamento. Trocar os canos quebrados é bem mais caro e trabalhoso do que resolver o problema de entupimento.

Para garantir que não haverá problemas futuros em seu encanamento contate uma desentupidora que pode resolver o seu problema de uma vez por todas.

A Desentupidora Esgotecnica tem equipes especializadas e treinadas para lidar com qualquer tipo de entupimento.

Com equipamentos de alta tecnologia e as melhores técnicas garantimos que você não terá dor de cabeça, além de resolver a obstrução do seu encanamento de verdade.

Entre em contato com a gente e faça um orçamento. Estamos preparados para atender a sua residência, comércio ou empresa.

Não passe raiva, chame a Esgotecnica que a gente resolve!